As inoportunas histórias que mostram as lágrimas perdidas de cada dia são relativas às agonias que empobrecem a alegria de um lar por conta da perda irreparável de um ser amado,

São tristezas detalhadas em cada face que busca na fé mais um dia para puder vivenciar a luz de um novo amanhã, ou encontrar na arte médica o direito de cura.

Torna-me mais triste quando entrego pinturas de tristezas, casos de desilusões onde o canto da esperança se perdeu na profundidade do nada e ao perder as forças, perdi tudo.

Eu gostaria de escrever sobre a beleza, buscar encontrar entre as interrogações da vida uma resposta para sofrimentos de tantos, e alegrias dos poucos ocasionados pelas disparidades.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *