Samu de Cajazeiras recebe, em média, dezesseis trotes por dia


O coordenador do Samu de Cajazeiras, Jeferson Gomes,  alertou na manhã desta quinta-feira (5), que a central de atendimento do órgão detectou nos últimos dias a permanência  de trotes feitos por meio de ligações telefônicas. Segundo ele, o Samu recebe por dia cerca de 16 trotes  e uma média de 500 por mês.

As ligações são realizadas não só de Cajazeiras, o sistema de detecção de chamadas aponta que os trotes são realizados também de cidades vizinhas.  Os trotes são feitos, em sua maioria, nos períodos da manhã e tarde. “As ligações são realizadas quase sempre nos finais dos períodos da manhã e tarde o que nos leva a crer que  são feitas por estudantes, pois os horários dos trotes coincidem com o horário de términos de aulas”, revelou ele.

Embora ainda  se tenha um número muito alto de trotes, o coordenador do Samu aponta uma redução do problema, há cerca de três meses o órgão, em Cajazeiras, recebia ao menos 800  chamadas criminosas por mês.

COM INFORMAÇÕES DO RADAR SERTANEJO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *