Samu de Cajazeiras fecha por falta de pagamento e seis cidades ficam sem o serviço


O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) de Cajazeiras fechou suas portas na tarde desta quarta-feira (26).

A informação foi confirmada por um funcionário de serviço que não quis se identificar, temendo represália. De acordo com o servidor, foi realizado este mês um acordo com prefeito Carlos Rafael (PTB), onde os funcionários abdicariam o mês de novembro e o gestor pagaria somente dezembro até a data de 26 de dezembro.

“A gente sabe que a verba de novembro entrou e ninguém sabe onde foi parar esse dinheiro. Perdemos dois meses”, disse indignado o servidor.

Com o fechamento do Samu em Cajazeiras, as unidades das cidades de São José de Piranhas; Bonito de Santa Fé; Triunfo; Bernardino Batista; São João do Rio do Peixe e Uiraúna, também não funcionam, pois os serviços são regulados por Cajazeiras.

O outro lado
O Diário do Sertão tentou entrar em contato com o coordenador do serviço, o médico Márcio Kato e com o secretário de Saúde, Celso Nóbrega, porém, não foram localizados.

COM REPORTAGEM DO DIÁRIO DO SERTÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *