Saldo do emprego em Cajazeiras no mês de abril foi negativo

TATYANA
0
AM3 – 250×250

[dropcap style=’box’]O[/dropcap] registro de empregos formais, com carteira assinada, em Cajazeiras quebrou uma tendência dos últimos meses, que era da geração de novos postos de trabalho, inclusive, no primeiro trimestre deste ano, já que o saldo no número de contratações em comparação ao número de desligamentos foi de 88 novos empregos formais, conforme dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados).

Cajazeiras também não seguiu a tendência nacional de crescimento no número de empregos com carteira assinada, que registrou o melhor mês em abril em relação a contratações desde abril de 2013.

Em Cajazeiras, o mês de abril apontou um resultado negativo, quando foram admitidos 117 trabalhadores e desligados 175, um saldo negativo de 58 postos de trabalho.

O setor da construção civil foi o que mais demitiu. Foi admitido um trabalhador e desligados 25, um saldo negativo de 24 empregos.

Em seguida, veio o setor de serviços, com 42 admissões e 64 desligamentos, um saldo negativo de 22 postos de trabalho com carteira assinada.

Por último, vem o setor do comércio como o que menos demitiu. Foram contratados 60 novos trabalhadores e dispensados 76, um saldo negativo de 16 colocações.

COM INFORMAÇÕES DO GAZETA DO ALTO PIRANHAS
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.