Ricardo, Cássio e Vital confirmam presença no sepultamento de Campos


palacio-campo-das-princesas

Os candidatos a governador da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB), Cássio Cunha Lima (PSDB) e Vital do Rêgo Filho, confirmaram, nesta quinta-feira (14) ao Portal Correio, que participarão da missa de corpo presente do candidato à Presidência da República pelo PSB e ex-governador do Estado, Eduardo Campos, que morreu tragicamente em um acidente de avião em Santos (SP), nesta quarta-feira (13).

Através de suas assessorias de comunicação, eles afirmaram que estarão no evento independente de qualquer atividade de campanha. A agenda será montada de acordo com a data da missa, que ainda não foi definida.

O governador Ricardo Coutinho disse nessa quarta-feira, durante coletiva a imprensa, que ficou em choque quando soube da notícia da tragédia. O governador ressaltou o luto dizendo que o Brasil e a política ficaram mais pobres com a perda prematura do líder político brasileiro.

Ele ainda relembrou o perfil de Eduardo de Campos e disse que o candidato à Presidência do Brasil era um homem de muitas amizades, além de ser uma pessoa transformadora. Ricardo também relembrou da última visita realizada por Campos à Paraíba nesse sábado (9), durante seus últimos momentos em campanha.

Em nota o senador Cássio Cunha Lima disse que “mais do que um homem público exemplar e um dos mais notáveis líderes de sua geração, Eduardo Campos era amigo pessoal há muitos anos e sempre nutriu um carinho especial, extensivo à toda Paraíba”.

Ainda na quarta, o senador Vital do Rêgo Filho também se pronunciou sobre a morte de Campos. “Lamento profundamente, em meu nome e em nome do povo paraibano que represento, o trágico acidente que ceifou precocemente a vida de um dos políticos mais brilhantes da nossa geração”, disse.

Missa de corpo presente

A data e hora da missa ainda não foram divulgadas pela família, pois os trabalhos de identificação dos corpos das sete vítimas do acidente ainda estão sendo realizados. O governador de Pernambuco, João Lyra (PSB), viajou nesta quinta-feira para São Paulo e, junto com o governador de São Paulo, Geraldo Alckimin (PSDB), acompanha os trâmites burocráticos para o traslado do corpo de Campos.

De acordo com a assessoria do governo de Pernambuco, a família Campos decidiu que o corpo será enterrado no Cemitério de Santo Amaro, no Recife (PE), no mesmo túmulo de seu avô, Miguel Arraes, que morreu há nove anos no mesmo no mesmo dia do neto. Segundo Lyra, provavelmente até o final da tarde haverá confirmação do cronograma da missa de corpo presente e do velório.

PORTAL CORREIO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *