[RAFAEL HOLANDA] A mão que acalma


old and young

Abençoe aquele que te acompanha. Aquele que em tuas quedas pode se tornar as mãos que salvam, abraçam e consolam. Mãos que acalentam esperanças e enxugam lágrimas.

Abençoe aquele que escuta os teus gemidos. Aquele que ouve tuas palavras e exprimem suas opiniões, dando a certeza que elas não se perderam pela ventania do tempo.

Saiba compreender que a vida é na realidade um vale de simbiose, onde as vozes que ouvem também desejam ser escutadas, as alegrias transmitidas também desejam participarem das risadas.

Nunca diga que pode caminhar por suas pernas, que pode realizar os seus desejos sem a necessidade de alguém, pois o compositor pode fazer o verso,e a orquestração depende de um universo de instrumentos.

Divida as tristezas, procure buscar nos rostos que te cercam, alguém que se sente perdido, mas não consegue expressar as suas tristezas.

Se transforme em luz , onde houver escuridão, seja energia onde houver a inoperância de seguir adiante, pois muitas das vezes somos milagres da vida mesmo não sabendo.

A existência humana é um compêndio, onde encontramos uma coleção de testes em que Deus nos observa, compete a cada um estudar as suas virtudes e consertar os seus defeitos.

Não podemos permitir que uma pequena dificuldade venha abrir as portas do desanimo,pois a dificuldade é o meio que a vida se vale, para que possamos ultrapassar barreiras e chegarmos ao fim da estrada.

Vamos engajar nas fileiras dos que com suas mãos estimulem o servir, vamos nos alistar na fileira dos que não perguntam onde está o grito que necessita de ajuda.

Sejamos felizes fazendo os outros felizes, vamos aprender a entregar o melhor de nós a vida que nos cerca e esta mesma vida nos fará receber o melhor dela própria.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *