Projeto leva a arte da cantoria para comunidades rurais de Cajazeiras


COISAS DE CAJAZEIRAS
POETA E REPENTISTA CHICO XAVIER / FOTO: DIVULGAÇÃO

O repente e a cultura popular em Cajazeiras e região também estão valorizados, com o projeto Na Arte da Cantoria, aprovado no edital do Fundo Municipal de Incentivo à Cultura (Fuminc) 2018, que será desenvolvido neste ano de 2019, numa iniciativa da Prefeitura Municipal de Cajazeiras através da Secretaria de Cultura e Turismo. A propositura é de Francisco Xavier Cipriano de Oliveira.

Entre os objetivos do projeto Na Arte da Cantoria, estão: registrar, através de versos e canções, a cantoria popular; divulgar nos meios de comunicação a obra de vários cantadores de Cajazeiras e região; e divulgar pelas comunidades locais mais um pedaço da produção da cantoria popular do sertão, numa mistura de poetas populares sertanejos que militam na cultura da cidade.

Conforme justificativa, o projeto Na Arte da Cantoria é mais um instrumento de resgate e divulgação que vai contribuir diretamente para a posição de destaque que a região ocupa hoje no cenário das artes populares. “A realização deste projeto justifica-se pelo número de novos poetas repentistas existentes na região e pela importância de manter vivas as canções e versos das cantorias”, acrescenta.

O projeto prevê cinco apresentações em locais diversos da região e seu período de execução vai até outubro. A primeira apresentação do projeto será no dia 19 de julho, na Vila Produtiva São Bartolomeu, na residência de Idete Martins. Depois, acontecerão apresentações no Sítio Serra da Arara, Cajazeiras Velha e na Praça do Leblon.

Os investimentos em cultura do governo municipal para 2019 serão em torno de R$ 217 mil, sendo que desse valor 15% são retidos para a manutenção do Fundo. No ano passado, os investimentos foram de R$ 130 mil. A Prefeitura Municipal de Cajazeiras, na atual gestão, foi a primeira a respeitar a lei de incentivo a cultura, ao repassar ao Fuminc o percentual de 2% da arrecadação do município, conforme a lei 1891/2010.

COM INFORMAÇÕES DA PREFEITURA DE CAJAZEIRAS

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *