População cobra plantio de árvores em canteiros da Avenida Aldo Matos de Sá


COISAS DE CAJAZEIRAS
AVENIDA ALDO MATOS DE SÁ CARECE DE ARBORIZAÇÃO / FOTO: CHRISTIANO MOURA

Por incrível que pareça, a Avenida Aldo Matos de Sá, que deu uma grande contribuição para a mobilidade urbana da cidade após sua abertura, mesmo sendo pavimentada a paralelepípedos, continua sem arborização. Aliás, quando a avenida foi concluída, essa arborização já devia ter ocorrido, entretanto não foram plantadas árvores no seu canteiro central, que oferece espaço pra isso.

A abertura dessa avenida, que começa na saída para São João do Rio do Peixe (PB 393 e início da Vila Nova), foi importante principalmente para quem quer evitar os sinais semafóricos e até os congestionamentos em horários de pico, da Avenida Comandante Vital Rolim e da Rua Padre Rolim, ao fazer o deslocamento para o Hospital Regional, Samu, Policlínica e até para zona norte da cidade, pegando a Avenida José Donato Braga (Estrada do Amor).

Essa abertura foi possível a partir da construção de uma ponte sobre o canal da Santa Cecília, no governo de Léo Abreu. Na gestão de Denise ela aterrou um alagado que tinha no local, fazendo um trabalho com manilhas de escoamento da água das chuvas e a terraplanagem, para em seguida, pavimentar.

Segundo o secretário de Governo e Articulação Política, José Anchieta, a atual gestão do prefeito José Aldemir, vai fazer a pavimentação asfáltica na avenida, com os recursos oriundos da segunda parcela para o recapeamento asfáltico de 19 ruas e avenidas da cidade.

Isso acontecendo, certamente, ela será muito mais utilizada, tendo em vista que vai oferecer maior conforto aos motoristas e motoqueiros, desafogando ainda mais a Avenida Comandante Vital e a Rua Padre Rolim. Agora, se faz necessário urgentemente o plantio de árvores no canteiro central. Após a abertura da avenida algumas clínicas médicas já se instalaram nas suas margens e alguns prédios novos estão sendo construídos. Em alguns casos, os proprietários plantaram algumas árvores no canteiro central.

COM INFORMAÇÕES DO GAZETA DO ALTO PIRANHAS

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *