Categorias
CAJAZEIRAS

Polícia prende dupla acusada de queimar palco do Carnaval em Cajazeiras


A Polícia Militar prendeu dois homens nesta sexta-feira (15) suspeitos de atear fogo em banheiros químicos durante o Carnaval do município de Cajazeiras ( a 475 km de João Pessoa) que foi realizado na AgroVila.

A prisão aconteceu por policiais do Grupo Tático Especial (GTE), da Polícia Civil de Cajazeiras. Foram presos, o pedreiro Deliomar Moreira de Sousa, conhecido por Fogoió, de 30 anos e Francisco Moreira de Sousa, apelidado de Tico, de 20 anos. Ambos residem na localidade da Agrovila. Um dos acusados, Fogoió, é conhecido pelas autoridades e responde processo por homicídio. Ele revelou a polícia que tocou fogo nos banheiros porque teria sido barrado na entrada dos camarotes durante a realização do carnaval, pois não possuir as pulseiras de acesso. Revoltado resolveu se vingar.

A polícia também trabalha com a hipótese da haver um mandante para o crime e está investigando o caso.

O empresário Tico Miudezas, idealizador do evento deste ano declarou que teve prejuízos com a queima dos banheiros de mais de R$ 30 mil.

COM REPORTAGEM DO PORTAL CORREIO
 

Por CHRISTIANO MOURA

Christiano Moura é paraibano de Cajazeiras. Jornalista, radialista e multimídia. Membro da Academia Cajazeirense de Artes e Letras (Acal).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *