PDT de Cajazeiras vai definir futuro dos infiéis



O Partido Democrático Trabalhista de Cajazeiras vai se reunir na segunda-feira (24) para começar a discutir o futuro dos filiados que não acompanharam a orientação do partido nas eleições municipais.

Mesmo antes termino do processo eleitoral, na reta final de campanha, o partido vai instaurar processo no conselho de ética para analisar os casos dos candidatos a vereador que, mesmo tendo garantido sua legenda, optaram por não acompanhar a orientação das executivas estadual e municipal.

O PDT tem como candidato a vice-prefeito em Cajazeiras na chapa encabeçada pelo ex-prefeito Carlos Antonio, o jovem advogado e líder do partido na cidade Junior Araújo.

A cúpula municipal da legenda espera que na segunda-feira já seja aberto o processo que vai analisar caso a caso, e segundo comenta-se nos bastidores, os demais candidatos a vereador que seguiram a orientação do partido devem pedir a expulsão dos infiéis, o que deve ser analisado pelo conselho de ética.

ASSESSORIA

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *