O fotógrafo da prefeitura chegou!

Gaiatice, fuleiragem e o mais puro espírito de cajazeirabilidade

O fotógrafo Cavalcante Júnior foi contratado pelos adversários políticos do prefeito Epitácio Leite Rolim para fotografar uma distribuição de sopa aos carentes nos bairros periféricos de Cajazeiras.

Eles entendiam que a distribuição não era caridade e tinha caráter meramente eleitoreiro. O Sopão de Dr. Epitácio, como era conhecido nos bairros, reunia multidões à boca da noite.

Um caminhão era estrategicamente posicionado na principal rua do bairro e os caldeirões de sopa eram postos na carroceria, enquanto equipes organizavam as filas para a distribuição do mimo.

Naquele dia, a distribuição da sopa seria no Bairro São José, na zona norte da cidade. Cavalcante montou na sua bicicleta e rumou ladeira acima pelo Alto Cabelão até chegar ao local indicado.

Precavido, deu uma volta pela redondeza e ficou temeroso que lhe botassem pra correr. Observou muita gente com fome à espera do sopão. E viu o cenário montado com os caldeirões de sopa em cima do caminhão e os assessores, apopléticos, gritando: “Viva Dr. Epitácio!”.

Um deles, querendo ficar bem na fita com a cúpula, gritou: “O fotógrafo da prefeitura chegou!” Foi um alvoroço grande na carroceria do caminhão. Assessores levantaram baldes, colheres, rodilhas, caldeirões, posicionaram o prefeito bem ao centro e pediram pra ele segurar na aba do caldeirão pra sair na foto.

Cavalcante, que não era o fotógrafo oficial da administração, aproveitou a oportunidade para fazer várias fotos da turba ensandecida na carroceria do caminhão. Findo o trabalho, subiu na sua bicicleta e deu uma ‘banguela’ ladeira abaixo pela Avenida Francisco Matias Rolim que só foi pedalar – e respirar – quando chegou na Praça do Pirulito.

No dia seguinte, mandou revelar o filme, entregou as fotografias aos contratantes, recebeu pelo serviço e, dias depois, escutou a notícia pelo rádio: “Justiça Eleitoral proíbe distribuição do Sopão de Dr. Epitácio nos bairros de Cajazeiras”.

Ainda hoje tem assessor que lamenta ter pedido pra Dr. Epitácio segurar na ‘azêia’ do caldeirão de sopa…

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *