MPF abre inquéritos para investigar os municípios de Cajazeiras e Bom Jesus por desvio de verbas


Denúncias de desvios de verbas federais de merenda escolar, da construção de quadra esportiva, Programa Saúde na Família, fraude em licitação, irregularidades no SAMU regional e uso de caminhão-pipa do PAC em proveito pessoal, entre outras, levaram o Ministério Público Federal na Paraíba a abrir inquéritos civis públicos contra 10 municípios.

Na lista, estão Cajazeiras, Patos, Ibiara, São João do Tigre, Natuba, Nova Floresta, Pitimbu, Bom Jesus, Barra de Santa Rosa e Prata, prefeitos e ex-gestores vão ser notificados para apresentação das defesas. Prefeitos e ex-gestores ainda vão ser notificados para apresentar as defesas.

Cajazeiras

No Sertão paraibano, o procurador da República Eliabe Soares da Silva investiga a prefeitura cajazeirense. O representante do MPF decidiu instaurar inquérito civil com o objetivo de “apurar irregularidades em procedimentos licitatórios para contratação de exames de diagnóstico por imagem no Município de Cajazeiras”.

Bom Jesus

Ainda na região sertaneja, o Ministério Público Federal instaurou inquérito civil, tendo como “objeto a apuração de possível irregularidade na construção da Quadra de Esporte da Escola Maria do Carmo, em Bom Jesus, obra financiada com recursos do FNDE, a partir de licitação feita em 2014, no valor de R$ 505.626,30”.

COM INFORMAÇÕES DO JORNAL DA PARAÍBA

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *