Marcos Barros lamenta decisão judicial e diz que recorrerá junto ao MP


MARCOS-BARROS2

O vereador Marcos Barros de Sousa (PSB) lamentou a decisão da justiça da comarca de Cajazeiras que tornou sem validade a lei municipal de autoria do parlamentar que proibia o corte de energia elétrica por falta de pagamento durante os finais de semana e prévia de feriados.

Segundo Marcos a lei que foi aprovada em 2006 e sancionada pelo então prefeito Carlos Antônio Araújo de Oliveira buscava beneficiar a população que sofria com os cortes, uma vez que tinha de passar o fim de semana inteiro sem energia já que o escritório da empresa fica fechado durante esses dias, pontuou.

Contudo o vereador disse que buscará junto ao Ministério Público uma forma de recorrer da decisão, e adiantou que solicitará do presidente da câmara Nilson Lopes uma sessão extraordinária para tratar do assunto. “Não estamos em momento algum querendo fazer o papel da União já que temos a consciência que a empresa é regulada pela Aneel, apenas buscamos uma adequação dos serviços a lei municipal que foi aprovada em prol do povo”, concluiu.

BLOG DO FURÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *