Manifestação pela retomada das obras da BR 434 será realizada segunda-feira


br-434-paralizada-placa-cofemac

Na próxima segunda-feira, às 07h30min, será realizada uma grande manifestação na BR 434, saída de Uiraúna, com o objetivo alertar às autoridades, principalmente do Ministério dos Transportes e Dnit, a importância da conclusão da rodovia.

Em junho de 2012, o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF-5) aceitou recurso do Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba e determinou a paralisação imediata das obras de implantação e pavimentação das rodovias BR-426 e BR-434, até que fossem cumpridas as formalidades previstas pelo Instituto do Patrimônio Histórico Artístico Nacional (Iphan). O objetivo do MPF era preservar os bens arqueológicos e paleontológicos em toda a bacia do Rio do Peixe, região conhecida como Vale dos Dinossauros.

Na Ação Civil Pública, o MPF pedia em caráter de urgência (liminar), que a Justiça determinasse ao Dnit a paralisação imediata de todas as obras até que fossem realizados estudos para identificar e salvar sítios arqueológicos existentes, condicionando o retorno das obras à autorização do Iphan. No entanto, o juiz de primeiro grau não concedeu a liminar requerida e as obras continuaram, o que levou o MPF a recorrer ao Tribunal Regional Federal da 5ª Região, obtendo vitória.

A rodovia foi federalizada pelo ex-deputado federal Wilson Santiago que também garantiu recursos no Orçamento Geral da União para elaboração do projeto e execução da importante obra que liga Uiraúna a Poço Dantas, até a divisa com o Ceará, beneficiando também os municípios de Bernardino Batista e Joca Claudino.

Durante um ano de paralisação os prejuízos foram enormes para o erário público. Uma grande ponte sobre o Rio do Peixe, no Distrito de Fazenda Nova, por exemplo, teve os ferros e a madeira do escoramento roubados. A estrada em obras e sem sinalização também tem ceifado vidas em acidentes automobilísticos.

Diante dessa situação e da falta de perspectivas em relação à retomada das obras, lideranças políticas, a exemplo dos prefeitos de Bernardino Batista, Gervázio Gomes; Poço Dantas, José Gurgel Sobrinho (Dedé) e Bosco Fernandes, de Uiraúna, vereadores, o padre Mendes, abraçaram a ideia do programa Rádio Vivo, da Rádio Alto Piranhas e do site Diário do Sertão para mobilizar a população e promover uma grande manifestação na estrada. Várias lideranças políticas, a exemplo do deputado estadual José Aldemir já confirmaram presença no evento, além de parlamentares que também se comprometeram a reforçar o apelo junto ao Ministério dos Transportes e ao Dnit, para que a obra seja retomada, como foram os casos de Efraim Filho e Cícero Lucena.

Segundo o ex-deputado federal e ex-senador Wilson Santiago, a Justiça Federal determinou a realização dos estudos arqueológicos e já liberou a continuidade da obra, entretanto, os recursos previstos no projeto já foram utilizados, sendo necessária a colocação de um aditivo, para que a empresa retome os trabalhos. São essas providências que as lideranças políticas, religiosas, comunitárias e sindicais querem que aconteça o mais rápido possível. As obras que tiveram início em Julho de 2010, com um prazo de entrega previsto para um ano e estão paralisadas desde o mês outubro de 2011.

GAZETA DO ALTO PIRANHAS COM FOTO DA COFEMAC

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *