Júnior Araújo diz que parecer de Procurador é ‘descabido’ e convida amigos para sua diplomação


Júnior Araújo, vice-prefeito eleito na chapa com Denise Oliveira na Cidade de Cajazeiras declarou que ficou surpreso ao tomar conhecimento do Parecer do Procurador Regional Eleitoral, Dr. Yordan Moreira Delgado, contra o Registro de Candidatura de Denise Oliveira, Prefeita eleita no dia 07 de outubro.

– Recebi com muita surpresa a notícia do parecer contrário do MPE referente ao registro de candidatura de Dra Denise. Mesmo não tendo acesso ainda ao conteúdo do parecer ministerial de forma oficial, já que só consegui ler através de blogs.

Quero tranquilizar todos os nossos amigos, aliados e correligionários. Primeiro: o que aconteceu foi à emissão de um parecer e não uma decisão. Segundo: todo o parecer ministerial foi fundamentado com base em uma decisão do TRE-SP, totalmente diferente do que aconteceu em Cajazeiras, sustentou o vice-prefeito.

Júnior Araújo que é também advogado atuante em Cajazeiras, continuou a contestar o Parecer do Procurador do TRE/PB, e comentou:

– Como se pode perceber são casos absolutamente distintos. Talvez tenha faltado chegar ao Dr. Procurador Eleitoral tais informações, e ao tomar como referencia um caso bem diferente do que aconteceu em Cajazeiras, emitiu um parecer descabido em decorrência dos verdadeiros fatos, tanto é que pelo que li em seu parecer (pelos menos o que foi publicado estamos diante de um parecer “control C”, “control V”), já que o Nobre Procurador sequer teve o cuidado de corrigir o número que Dra. Denise disputou a eleição que foi o “Nº 25” e não o “Nº 15”, este segundo que usado pela candidata à prefeita lá da cidade paulista de Euclides da Cunha. Apenas para mostrar que o Procurador copiou na integra a decisão de lá.

Por fim o vice-prefeito espera ser diplomado no dia 18 de Dezembro conforme a data da Justiça Eleitoral de Cajazeiras agendou, e fez convite aos amigos:

– Renovo o convite aos amigos para nossa diplomarão que ocorrerá no próximo dia 18 de dezembro. Vamos mais uma vez fazer a festa do povo e da democracia e que esses foguetórios nada mais são do que o estoque que estava perdido pronto para ser solto dia 07 de outubro e que foi impedido pela vontade da maioria do povo de Cajazeiras, que espontaneamente escolheu Dra. Denise e Júnior Araújo para dirigir os destinos de nossa Terra pelos próximos 4 (quatro) anos.

COM REPORTAGEM DA FOLHA DO SERTÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *