Jornalista defende a cidade de Marizópolis como ponto de união entre Cajazeiras e Sousa


O jornalista Heron Cid defendeu a cidade de Marizópolis, sua terra natal no Alto Sertão da Paraíba, como opção de expansão de ensino superior na região e destino da sede do Instituto Federal do Sertão. Pela geografia e fácil acesso, ele crê que o município, situado exatamente entre Sousa e Cajazeiras, reúne condições para se transformar num ponto de intersecção dos interesses educacionais, econômicos e culturais das duas cidades-pólo. A defesa foi feita durante entrevista à TV Diário do Sertão.

“Quando chegar a água da Transposição certamente a UFCG vai estudar e desenvolver novos cursos na área de recursos hídricos, energia solar e fruticultura. E quem vai se candidatar? Por que não Marizópolis se habilitar? Condições técnicas a cidade reúne, por estar exatamente num ponto estratégico, no coração entre dois pólos, no meio, a poucos quilômetros de Sousa e Cajazeiras, mais próxima de Nazarezinho, São José da Lagoa Tapada e de São João do Rio do Peixe”, sustentou.

“Quando chegar uma demanda nova, porque não instalar em Marizópolis, que tanto fica perto de Sousa quanto de Cajazeiras? Em vez de perder, por que uma nova cidade não pode ganhar e congregar? O próprio Instituto Federal do Sertão vem aí. O MEC preconiza que a sede deve estar preferencialmente onde não tem campus. Esse é apenas um exemplo”, frisou.

“Marizópolis pode ser um ponto de interseção dos interesses comuns de Sousa e Cajazeiras, seja no ensino superior, na cultura e economia. Onde houver conflito de interesse, Marizópolis pode ser o elo. Nós podemos reunir os potenciais e a localização estratégica e se desenvolver. Quem comunga dessa minha ideia é o ex-reitor da UFCG, Thompson Mariz, que pensa que, numa eventual expansão universitária, Marizópolis pode ser contemplada”, enfatizou, chamando atenção para o reflexo direto de instalação de cursos superiores na arrecadação e economia dos municípios. Os municípios de Pombal, no Sertão, e Cuité, no Curimataú, são exemplos.

COM INFORMAÇÕES DO DIÁRIO DO SERTÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *