IFPB Cajazeiras tem vagas para interessados em Percussão Sinfônica


instrumentos-percusao

O projeto “Percussão Sinfônica: teoria e prática musical” está com inscrições abertas para aulas destinadas a jovens da comunidade externa a partir dos 12 anos de idade e também para os alunos do IFPB que não estiverem em horário de aula. A atividade é pioneira no Campus Cajazeiras e ocorrerá em parceria com o Programa de Inclusão através da Música e das Artes – PRIMA (www.primaparaiba.com), desenvolvido pela Secretaria de Estado da Cultura e Secretaria de Educação do Estado da Paraíba.

As aulas tiveram inicio nesta terça, 12 de agosto e se estendem até o final do ano. Os encontros acontecerão no polo do PRIMA, que é a Escola Estadual Jandui Carneiro, sempre às terças-feiras, com turmas das 14h às 15h20 e das 15h30 às 17h. As inscrições podem ser feitas no núcleo de Extensão do Campus Cajazeiras ou no polo do programa.

A parceria com o PRIMA irá possibilitar ao IFPB ter um papel importante no que tange a formação cidadã, musical e cultura da microrregião de Cajazeiras, além de colocar o Campus como uma das instituições realizadores desta iniciativa na cidade, uma vez que terá a participação do professor de música, George Glauber Félix Severo e demais alunos interessados na prática percussiva orquestral.

“Ações como essa democratizam o acesso a essa cultura musical, permitindo aos envolvidos conhecer novos instrumentos e realizarem escolhas de acordo com seus gostos musicais. Essa atividade também apoia a formação de novas plateias musicais, uma vez que as músicas que serão executadas não integram o repertório dos meios de comunicação de massa da região”, afirma o professor George Glauber.

O polo do PRIMA Cajazeiras dispõe de um instrumental de percussão sinfônica de ponta e conta com os seguintes instrumentos: Marimba, Xilofone, Vibrafone, Tímpanos, Caixa Clara, Tom-tons sinfônicos, Bombo sinfônico, entre outros. Material esse, que é de difícil acesso devido ao seu alto valor financeiro para aquisição.

ASCOM/IFPB

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *