Categorias
* CAJAZEIRAS

Hildebrando de Assis, 100 anos: o advogado das causas artísticas e culturais de Cajazeiras

CULTURA

Patrono da Acal, Hildebrando de Assis completaria cem anos dia 7 de junho

O dia 7 de junho marca o centenário de nascimento de Hildebrando de Assis, patrono da Academia Cajazeirense de Artes e Letras (Acal), sendo dono da cadeira 20, ocupada pelo acadêmico Gutemberg Cardoso. O presidente da Acal, Francisco Cartaxo (Frasssales) anunciou que a entidade se engajará nas comemorações do seu patrono, mesmo que de forma contingenciada em função das restrições e do isolamento social recomendado pela Organização Mundial de Saúde, em função do coronavírus.

Hildebrando de Assis nasceu em São José de Piranhas (PB), antigo Jatobá, no dia 7 de junho de 1920. Era filho de José Gonçalves de Assis e de Maria José Silveira de Assis. Tinha como avós paternos Francisco de Assis Gonçalves e dona Maria Querubina Assis Costa. E como avós maternos Antônio Cirilo Soares da Silveira e dona Raimunda Emídia Soares da Silveira. Era casado com Maria das Mercedes Leite, com quem teve dois filhos: Hermano Leite de Assis, musicista, e Mauro Leite de Assis engenheiro civil.

Hildebrando de Assis foi prefeito de Cajazeiras mais de uma vez por curtos períodos, na instável fase da política paraibana, entre a queda do Estado Novo em dezembro de 1945 e a vigência da Constituição democrática de 1946, quando a Paraíba teve diversos interventores.

Segundo o acadêmico Gutemberg Cardoso, em perfil publicado no livro “Patronos & Patronesses”, uma característica de Hildebrando era a visão ampla, além do seu tempo, com um olhar diferenciado em relação a arte e cultura. “Pode-se dizer que Hildebrando foi um dos precursores de maior influência para chegada da cultura teatral em Cajazeiras. E sua luta não foi debalde, pois fez com que Cajazeiras se destacasse até hoje no cenário artístico, recebendo prêmios e reconhecimento nacional e internacional”, acrescentou.

Conforme Frassales, além de Hildebrando, outros patronos terão centenários de nascimentos até o final de 2021. Em conferência virtual da ACAL, o acadêmico Rui Leitão sugeriu a criação de comissão para organizar eventos em homenagem ao patrono Deusdedit Leitão, cujo centenário de nascimento acontece em maio de 2021. A sugestão foi acatada e o presidente da ACAL anunciou a criação de comissões especiais para festejar o centenário de Deusdedit (07/05/1921), Rosilda Cartaxo (31/07/1921) e Monsenhor Luiz Gualberto (14/10/1921).

Por REDAÇÃO

SUGESTÃO DE PAUTA: coisasdecajazeiras.pb@gmail.com - (83) 98822-0095

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *