Folha de pessoal aponta 1.830 funcionários na Prefeitura de Cajazeiras


PREFEITURA DE CAJAZEIRAS / FOTO: CHRISTIANO MOURA

A gestão municipal de Cajazeiras, que tem à frente o prefeito José Aldemir Meireles de Almeida (PP), segue mergulhada em muitas dificuldades financeiras.

São muitos os compromissos e despesas programadas: repasse do duodécimo da Câmara Municipal, da empresa responsável pela coleta do lixo e limpeza urbana, parcelamentos com o Ipam, INSS, Cauc, além da folha de pessoal.

O prefeito conseguiu três grandes obras para a cidade: o recapeamento asfáltico, os 600 apartamentos financiados pela Caixa e o Centro de Diagnóstico por Imagem (CDI).

Entretanto, as dificuldades no campo financeiro são enormes, não conseguindo pagar os servidores municipais até o quinto dia útil do mês e tendo que atrasar prestadores de serviço e comissionados e atrasar os repasses aos veículos de comunicação.

Essa situação termina afetando a qualidade dos serviços prestados à população na cidade e na zona rural.

De acordo com o Sagres, do Tribunal de Contas do Estado da Paraíba, atualizado até o mês de junho, a Prefeitura de Cajazeiras tinha 1.830 funcionários, sendo 1.318 efetivos (R$ 4,2 milhões), 7 eletivos (R$ 40 mil), 271 comissionados (R$ 597 mil) e 234 contratados por excepcional interesse público (R$ 352 mil), que somam a bagatela de R$ 5,2 milhões.

COM INFORMAÇÕES DO GAZETA DO ALTO PIRANHAS

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *