Ex-primeira-dama da Paraíba diz que vive uma guerra insana e desleal contra a máquina pública

TATYANA
AM3 – 250×250

pamela-rc

Sem mencionar diretamente o nome do ex-marido, a jornalista e ex-primeira-dama Pâmela Bório, comentou em entrevista por telefone no programa Intrometidos do site www.intrometido.com.br – com a participação dos jornalistas Helder Moura, Marcelo José, Maurílio Batista e o advogado Gilvan de Freitas sob o comando Janildo Silva –  nessa segunda (19) que está unindo forças contra o ex marido e pede ajuda a quem quiser se unir a ela nessa campanha.

Durante a entrevista a jornalista comenta sobre o vídeo no qual é acusada por uma suposta mãe de santo de encomendar a morte de seu então marido e diz que toda a história é surreal e caluniosa.  Ao ser questionada sobre a possibilidade mover um processo, Pâmela desabafa e diz que não tem condições financeiras de mover tantos processos: “Eu sou jornalista, sou contratada e tenho uma renda limitada”. Ela ainda completa que não é a única que foi prejudicada pela ‘mesma pessoa’ e pede ajuda a juristas e quem mais possa ajudar nessa empreitada.

A jornalista diz que vive uma guerra insana e desleal contra a máquina pública: “É uma guerra insana! Usam uma estrutura pública para financiar blogs e sites. Estão fazendo uma guerra da máquina público contra uma cidadã. Apesar das limitações eu não vou me intimidar. Podem me dar mil surras, podem inventar mil armações, não vou parar de lutar pelos meus direitos, não vou parar de lutar pelo meu filho”. Pâmela denuncia a participação da Secretaria de Comunicação (Secom) como base das ações midiáticas contra a sua pessoa. A ex-primeira-dama ainda fala que está preparada para todas as possibilidades, até morrer.

POLÊMICA PARAÍBA
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.