Eventos movimentam Semana de Segurança do Paciente no HUJB


“Segurança do Paciente: Responsabilidade de Todos”. Esse foi o tema das palestras que reuniram os colaboradores do Hospital Universitário Júlio Bandeira da Universidade Federal de Campina Grande, filial da Rede Ebserh, na II Semana de Segurança do Paciente. Os encontros aconteceram nos dias 26 e 27 de abril. Em 28 de abril, comemora-se o Dia Mundial da Saúde e Segurança no Trabalho.

No segundo dia, o encontro se baseou na apresentação e discussão dos resultados de uma pesquisa sobre a temática Segurança do Paciente, aplicada entre os profissionais do Hospital Júlio Bandeira. Com o título “Segurança do paciente no cuidado à criança hospitalizada: práticas realizadas pela equipe de enfermagem relacionadas à identificação do paciente”, o levantamento permitiu conhecer o panorama atual vivenciado no HUJB.

De acordo com a autora do trabalho, enfermeira Geovannya Andrade, foram entrevistados 28 profissionais sobre assuntos como instrumentos utilizados na identificação do paciente (a exemplo das pulseirinhas e placas nos leitos), e percepção da equipe de enfermagem quanto à segurança do paciente.

Segundo a chefe da Divisão de Gestão do Cuidado do HUJB e enfermeira doutora professora da UFCG, Kennia Abrantes, que orientou o trabalho de Geovannya, o objetivo da pesquisa é analisar as práticas seguras da equipe de enfermagem do HUJB, técnicos e enfermeiros, quanto à identificação do paciente, que é um dos protocolos preconizados pelo Ministério da Saúde, no intuito de prevenir erros e evitar falhas.

“A análise serve para refletirmos sobre essas práticas no âmbito da segurança do paciente, no que se refere à sua identificação, e a partir disso, monitorar o que está sendo implantado e o que precisa ser melhorado. O fato é que já avançamos muito, a exemplo da implantação do Núcleo de Segurança do Paciente, da implementação de alguns protocolos do MS”, citou, lembrando ainda que a Semana de Segurança do Paciente foi um momento oportuno para divulgação desses resultados junto aos profissionais do hospital.

O Núcleo de Segurança do Paciente do HUJB já elaborou três protocolos preconizados pelo Ministério da Saúde, que são higienização das mãos, identificação do paciente e prática de administração segura de medicamentos. “Desses, os dois primeiros já foram implantados. A Organização Mundial de Saúde estabelece um protocolo para cada uma das metas, somando seis ao todo. Estamos em processo de avanço”, ressaltou Kennia.

Sobre a Ebserh – O HUJB é filiado à Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares desde dezembro de 2015. Atualmente, 39 hospitais universitários federais são administrados pela Ebserh, estatal vinculada ao Ministério da Educação. O objetivo é, em parceria com as universidades, aperfeiçoar os serviços de atendimento à população, por meio do Sistema Único de Saúde (SUS), e promover o ensino e a pesquisa nas unidades filiadas.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *