Entidades representativas de Cajazeiras cobram de Ricardo obra do IML


Durante a visita do governador Ricardo Coutinho a Cajazeiras nesta terça feira (21) para inauguração da adutora da zona norte da cidade, membros de entidades representativas do município aproveitaram a oportunidade para cobrar do chefe do executivo estadual, o início das obras do IML (Instituto de Medicina Legal).

A obra, que tem terreno doado pela prefeitura e foi motivo de uma movimentação da sociedade organizada da cidade através de campanha popular que deu início ao projeto “IML JÁ” completou, em Janeiro, um ano que foi assumida pelo Governo do Estado, porém, sequer as primeiras licitações foram concretizadas.

Diante tudo isso, os representantes da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas) SINDIBENS (Sindicato de Bens e Serviços) de Cajazeiras e região, além da Associação Comercial, Irlânio Cavalcanti, Alexandre Costa e Raimundo Junior, respectivamente, entregaram um documento nas mãos do próprio governador, solicitando agilidade nos trâmites burocráticos para início dos trabalhos.

O governador, por sua vez, lembrou que os recursos do IML no valor de mais de R$ 2,5 milhões, estão depositados numa conta do governo do Estado, aguardando apenas a conclusão dos projetos para ser dado início a construção, mas garantiu que a obra será construída em seu governo. Os recursos fazem parte de uma emenda parlamentar do senador Raimundo Lira no valor de R$ 1,5 milhões, mais R$ 1 milhão de contrapartida do próprio Governo do Estado.

Há quem diga que o governador deixará a construção para o final do seu mandato, fugindo, assim, dos gastos de manutenção da obra que deverá custar caro mensalmente aos cofres do tesouro estadual.

COM INFORMAÇÕES DO BLOG DO FURÃO

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *