Defensoria Pública funciona com apenas dois advogados em Cajazeiras


SEDE DA DEFENSORIA PÚBLICA EM CAJAZEIRAS (FOTO: BLOG DO FURÃO)

Os trabalhos na Defensoria Pública de Cajazeiras continuam bastante deficitários! As palavras são do advogado e defensor público Dr. Luiz Humberto que prestou entrevista na tarde desta sexta feira (16) ao programa Boca Quente Parte II, da Difusora Rádio Cajazeiras. Humberto explicou que, atualmente, apenas dois advogados estão trabalhando na defensoria para atender a toda uma demanda de cinco varas, com seis juízes e seis promotores.

[ads1]

 

Ainda segundo Dr. Luiz Humberto seriam necessários de sete a oito defensores públicos para que o atendimento funcionasse a contento para a população.

Ele se reportou ao último concurso público realizado para a Defensoria Pública com apenas 20 vagas, mas que são insuficientes para cobrir a falta de defensores em todo estado, disse Luiz Humberto. Ele acrescentou que na Paraíba existem apenas cerca de 200 defensores públicos na ativa.

Outro ponto destacado pelo advogado foi em relação ao orçamento elaborado pela Defensoria Pública que para esse foi acima de R$ 90 milhões, mas o governo do estado aprovou pouco mais de R$ 70 milhões; “como é que 70 paga 90, perguntou Luiz Humberto.

Ele lamentou a situação e reforçou que quem mais perde com isso é a população mais carente que necessita de um defensor público em Cajazeiras.

COM INFORMAÇÕES DO BLOG DO FURÃO

[ads2]

 

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *