De hotéis, pensões, hospedarias e motéis (1)

A COLUNA DE FRANCELINO SOARES

O TRADICIONAL HOTEL ORIENTE

Didaticamente, os hotéis sempre foram lugares aprazíveis destinados ao alojamento e às refeições dos seus hóspedes; as pensões constituíam-se como pequenos hotéis, porém de um caráter mais familiar, algumas vezes fornecendo refeições em domicílio; as hospedarias, como o próprio nome já diz, eram estabelecimentos que proporcionavam hospitalidade; já os motéis, antes, geralmente, localizados em beiras de estradas de grande movimento, hoje não tanto, mas, num conceito mais moderno, sempre servindo de abrigos destinados a encontros fortuitos de natureza amorosa, com alta rotatividade.

Obviamente, essa introdução serviu apenas de pretexto para lhes falar de antigas pousadas passageiras que existiam em Cajazeiras, com exceção dos últimos, mencionados acima, que não havia em nossa cidade, mas que hoje proliferam por esse mundo afora.

Dentre hotéis e similares, dos que permanecem vivos em nossa memória, havemos por bem citar alguns, sem ordem cronológica de sua grandiosidade e importância: Hotel Oriente, localizado no suntuoso edifício que foi, originariamente, erguido pelo genitor do Dr. Juca Peba, o Coronel Peba, e que serviria de consultório daquele, após sua formatura em Medicina. Sua função foi desviada, mas o hotel serviu de abrigo passageiro para os visitantes mais nobres, nos saudosos tempos em que era dirigido por Francisca Nobre Borborema (Dona Nenzinha), esposa de Leopoldo Borborema, com o auxílio valioso de João de Oliveira e Silva, (Seu João Menino) e a esposa deste, Maria das Dores Nobre (Dona Dora), que vinham a ser pais da proprietária; o Grande Hotel, de propriedade de Antônio Assis Costa (Tota Assis), situado na Rua Juvêncio Carneiro, no imponente edifício que serviu de morada dos pais deste, o Sr. Joaquim Manoel da Costa e família, por quem foi construído no ano de 1913, e que era conhecido como o Solar dos Costas, reformado em 1960, quando passou a servir de hotel para ilustres visitantes, funcionando até o ano de 2000; vem depois o Cajazeiras Hotel que, juntamente com outros, será objeto da continuidade dessas rememorações.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *