Curso profissionalizante de corte e costura foi iniciado com apenadas do Presídio Feminino de Cajazeiras


Foi aberto na manhã de ontem no Presídio Feminino de Cajazeiras o curso profissionalizante de corte e costura, promovido pelo CENDAC, em parceria com a Secretaria Estadual de Políticas Públicas para as Mulheres e Prefeitura Municipal, através da Secretária Especial de Políticas Públicas para as Mulheres, com o apoio da Eletrobrás.

O curso faz parte de uma série de outros cursos, como arte-culinária, cabeleireira e agente administrativo, que serão ministrados para mulheres em reconhecida situação de risco social, como forma de enquadrá-las no mercado de trabalho formal e até mesmo em suas próprias residências, permitindo, assim, a geração de emprego e renda para elas e seus familiares.

Também na segunda-feira, dia 20, foram iniciados os cursos de arte-culinária, no CASERVI, na antiga Escola Duque de Caxias, em frente ao teatro Íracles Pires, de cabeleireira, no Centro de Referência de Atendimento à Mulher Susane Alves, por trás da Secretaria Especial de Políticas Públicas para as Mulheres, e de Agente Administrativo, no auditório da Procuradoria Geral do Município, por trás do Fórum Ferreira Júnior.

Todos os cursos terão uma carga horária de 200 horas-aula, com certificado expedido pelo Centro de Apoio à Criança e ao Adolescente (CENDAC).

Ascom

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *