Posts in category

REFRESCO

Gaiatice, fuleiragem e o mais puro espírito de cajazeirabilidade.

Os dois não se entendiam. Por mais que os pais, que eram primos, se esforçassem, não tinha jeito. Walter e Paulo Antônio eram almas dispares. Desde bem pequenos brigavam por tudo, tudo mesmo, até mesmo quando lhes davam presentes iguais: reclamavam que o presente fora dado primeiro a um dos dois. Cresceram assim. Por dá …

0 218

Parecia que o mundo ia acabar. Quirino eleito pela segunda vez deputado estadual! A Cajazeiras tradicional não aguentava. Bastava Chico, do lado pobre da família Rolim, ter sido eleito três vezes prefeito. E agora aparecia esse Quirino, nem Rolim era… Teriam que aguentar, a mudança acontecia, e o povo nunca teve dono. O que a …

0 222

Esteve sempre antenado com as coisas de sua terra e dela e seu povo herdou o espírito buliçoso e gaiato. A sua gaiatice não se traduziu em grandes estórias suas, de participação especial, de protagonista, mas poucos souberam divulgar com a sua mestria as descrições do espírito cajazeirense, naqueles tons de alegria e saudade, fincados na …

0 218

Quando minha avó Dosanjos inesperadamente ficou viúva, sobrou-lhe apenas o Sítio Melão, no Estado do Ceará, depois dos acertos com os credores. Na penúria teve a ideia de saber o tamanho da propriedade e então chamou um topógrafo da região. A figura veio, acertou o preço e caiu em campo para fazer o serviço. Usando …

0 406

Numa época boa e distante, quando nós, a maioria dos jovens mortais cajazeirenses, não sabíamos quem era um tal de Fibonacci! Cidadão que eu, só vim a saber quem era 40 anos depois, em 2004, quando li o livro Código Da Vinci. Um certo dia, lá em Campina Grande, Valiomar aparece na república, com uma …

0 214