Categorias
POLÍTICA

Câmara Municipal derruba veto de Zé Aldemir e autoriza negociação de empréstimos consignados

POLÍTICA

A Câmara Municipal de Cajazeiras aprovou, no dia 26 de maio, por unanimidade, o projeto de lei que suspende as cobranças dos empréstimos consignados de servidores públicos municipais. A proposta com validade de 120 dias ou enquanto durar a pandemia do novo coronavírus, acabou sendo vetada pelo prefeito José Aldemir (PP), que alegou questões jurídicas e de inconstitucionalidade.

O projeto que é de autoria do vereador Roselânio Lopes (Cidadania), com emenda aditiva do vereador Jucinério Félix (PSB), voltou a Câmara em sessão remota da noite desta segunda-feira (22) e por 10×4, os vereadores derrubaram o veto do chefe do executivo municipal.

Roselânio comemorou mais uma vitória e disse que o prefeito foi muito infeliz ao classificar o seu projeto como medíocre.

“Tudo foi baseado nos outros projetos aprovados em vários poderes legislativos pelo Brasil, mas como já de costume do prefeito, ele tentou desqualificar, mas sem sucesso. Fizemos tudo com muita cautela e sem atropelar nada e ninguém. É um beneficio para o servidor público nesta crise que estamos passando. Por sinal, uma das maiores dos últimos 100 anos,” disse.

Por REDAÇÃO

SUGESTÃO DE PAUTA: coisasdecajazeiras.pb@gmail.com - (83) 98822-0095

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *