Atlético de Cajazeiras tropeça diante do CSP no Perpetão


atletico_x_csp_1

Lá se vão cinco jogos no Campeonato Paraibano e ainda nenhuma vitória. No último deles, nesse domingo, o Atlético de Cajazeiras ficou no empate com o CSP em pleno Perpetão. E, com o resultado, o Trovão Azul segue amargando a vice-lanterna do estadual. O lateral-esquerdo Cleiton Cearense lamentou o torpeço, mas enalteceu a garra do time, que teve um jogador expulso ainda no primeiro tempo.

– A gente vem trabalhando todo dia, se esforçando, mas infelizmente futebol é assim: a gente planeja uma coisa e… perdemos um jogador no primeiro tempo. Mas acho que estamos de parabéns, não pelo futebol, mas pela garra. Com um a menos é difícil. Mas agora é levantar a cabeça que, com fé em Deus, os resultado vem – comentou o lateral, ainda no gramado do Perpetão.

O Atlético-PB ficou com um jogador a menos ainda no primeiro tempo, quando já vencia por 1 a 0, gol marcado por Juninho. Fabinho Vitória recebeu o segundo amarelo aos 53 minutos (a partida foi até 62 porque ficou 15 minutos parada por falta de ambulância) e foi expulso. O Trovão Azul sofreu o empate ainda antes do intervalo.

Na segunda etapa, o próprio Cleiton Cearense participou ativamente do segundo gol atleticano. Ele cobrou falta na área e a bola ainda desviou na cabeça de Neto Costa antes de ir para as redes. O árbitro anotou gol contra do jogador do CSP. Mas o Tigre empatou novamente e evitou a primeira vitória do Trovão Azul no Campeonato Paraibano.

Agora com três pontos – conquistados em três empates nos três últimos jogos -, o Atlético-PB é o nono colocado do estadual e volta a campo no próximo sábado, contra o Treze, no Presidente Vargas.

GLOBOESPORTE.COM

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *