Política, Cotidiano, Esportes, Memória & afins

Atlético de Cajazeiras prioriza manter o time titular e a comissão técnica para a retomada das competições

Além de manter o time, diretoria do Trovão Azul busca recontratar o capitão Ferreira

AM3 – 250×250

Mesmo com o futebol parado por conta da pandemia do novo coronavírus, o Atlético de Cajazeiras se planeja para o restante do Campeonato Paraibano e para a disputa da Série D do Brasileiro, que ainda não tem data de início prevista. Após sentir os primeiros impactos financeiros em decorrência da suspensão do futebol, o clube já definiu quais serão suas prioridades na volta às atividades. Segundo o diretor de futebol do clube, Alysson Lira, a ideia é manter, ao menos, a comissão técnica e o time titular.

– Ederson Araújo está conosco já faz três ou quatro temporadas e é um dos nossos pilares para quando voltarmos às atividades. No momento, ele tem contrato até novembro, que é a data que estava prevista para o fim da Série D. Mas, se as competições se prolongarem, buscaremos renovar não só com ele, mas também com todos os jogadores importantes no time – afirmou Alysson Lira.

Para manter ao menos os 11 titulares que disputaram o Paraibano até meados de março, quando a competição foi interrompida, a diretoria do Trovão Azul vai ter que buscar o retorno de seu capitão, Ferreira. O volante teve seu vínculo encerrado com o time alviazulino no fim do mês de abril, uma vez que o acordo entre o Sampaio Corrêa – que é o clube detentor de seus direitos federativos – e o Atlético-PB era para que o jogador ficasse no time de Cajazeiras até o fim do Paraibano, que estava previsto para se encerrar justamente no mês de abril.

– Tínhamos um acordo com o Ferreira para que ele ficasse até o fim do Paraibano. Como teve essa pandemia, teremos que abrir novas conversas com o jogador para fazermos um novo contrato – explicou o gerente de futebol alviazulino.

Além de Ferreira, outro jogador que deixou o clube foi o lateral-esquerdo Kennedy. Sua rescisão foi publicada no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF na semana passada.

Otimista, a diretoria do Atlético-PB previa para a última terça-feira o retorno das atividades do elenco. A reapresentação, porém, teve que ser cancelada, devido ao prorrogamento do decreto de medidas de isolamento social, feito pelo Governo do Estado da Paraíba, que foi estendido até o dia 18 de maio. Por ora, o clube segue aguardando o fim da medida para agendar a volta aos treinos.

TATYANA
FONTE: GLOBO ESPORTE
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.