Política, Cotidiano, Esportes, Memória & afins

Acossado por dívidas, presidente do Clube Campestre Cajazeirense renuncia ao cargo

O bancário Josué Freitas, vice-presidente, assumiu provisoriamente o clube

AM3 – 250×250

O presidente do Clube Campestre Cajazeirense, empresário Severino Alves, renunciou ao cargo na noite da segunda-feira (13). O vice-presidente Josué Freitas, que também é ex-presidente do sodalício, assumiu o cargo de forma provisória, até que seja encontrada uma solução por parte dos demais membros da diretoria, que poderá, em breve, anunciar a formação de uma Junta Governativa ou mesmo convocar novas eleições.

O vice-presidente assumiu o desafio e confirmou à reportagem do Portal CZN que, mesmo sem dispor de tempo pra gerenciar o clube, deverá buscar uma forma para solucionar alguns problemas graves que necessitam de urgência para resolução.

O Clube Campestre, de grande tradição na cidade, vive mergulhado em dívidas que ultrapassam R$ 600 mil com causas trabalhistas, INSS, fornecedores e a União.

Ano passado, foi feita campanha pra convencer o sócio a voltar a pagar mensalidade, porém, por falta de atrativos, a ideia não prosperou.

Segundo Josué de Freitas, se faz necessário trabalhar urgentemente a realização do tradicional Baile do Havaí e, para isso, é preciso a renovação da licença do Corpo de Bombeiros. Quanto à provável realização do Carnaval Molhado, o novo presidente afirmou que não é mais viável, pois a tradição não existe mais.

TATYANA
COM INFORMAÇÕES DE: PORTAL CZN
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.