A Faisqueira do Gazeta

Coluna do jornal semanal Gazeta do Alto Piranhas

TATYANA
0
AM3 – 250×250

SILÊNCIO  O reitor da UFCG, Vicemário Simões, está sendo “cobrado” pela sociedade cajazeirense sobre por onde andam os 26 milhões de reais destinados para a inicio da construção do Hospital Universitário do Sertão. Desde a audiência pública realizada na Câmara Municipal de Cajazeiras, já se foram mais de 30 dias e até agora tem dado silêncio por resposta.

OUSADIA?  O governador João Azevedo só pode está com o caixa sobrando dinheiro, pois deu um aumento linear de 5% para todos os servidores. Enquanto isto, em alguns estados, a situação é de bezerro desconhecer a mãe e a choradeira é grande, mas na pequena e ousada Paraíba parece não ter crise alguma. E 5% é um montante representativo diante o tamanho da folha.

O GRITO DE SOUSA   O vice-prefeito da cidade Sorriso, Zenildo Oliveira, num verdadeiro ufanismo e amor a sua cidade, proclamou: “vamos transformar Sousa na terceira maior cidade da Paraíba”. Quem tem dúvida de que isto possa acontecer? Os sousenses fazem questão de investir em sua terra, além do que com a chegada das águas do São Francisco, milhares de hectares de terras planas e cultiváveis poderão transformar o município num celeiro agrícola da Paraíba. E Cajazeiras? Dorme em berço esplêndido.

BOMBA  Tem uma bomba que não é pequena e sua explosão poderá causar estrago sem tamanho e com pouquíssima chance de recuperação, mas a “Faisqueira” não divulga agora, senão estraga. Só uma trilha: é na área política, em Cajazeiras, com repercussão em outras cidades da região. Eita lasqueira!

CASTA FAMILIAR   A Paraíba é craque em transformar algumas famílias em donatários do poder. Em Campina Grande, o patriarca Enivaldo Ribeiro é vice-prefeito, o filho Aguinaldo Ribeiro é deputado federal, a filha Daniela Ribeiro é senadora e o patriarca quer indicar um neto como candidato a prefeito de Campina Grande. E no bojo destes mandatos quantos outros familiares estão agregados às tetas do poder?

CASTA FAMILIAR Em Campina Grande outra família, a Rego, tem uma extensiva lista de mandatos: O patriarca, Vital do Rego (já falecido), Vital Filho, a matriarca Nilda Gondim e Veneziano já foram deputados federais. Vital Filho já foi senador e atualmente é Ministro do Tribunal de Contas da União e o irmão Veneziano é senador e Nilda Gondim é a 1ª suplente do senador Zé Maranhão e a neta, Pâmela Vital do Rego, é vereadora em Campina Grande, cujo bisavô, Pedro Moreno Gondim foi governador da Paraíba.

CASTA FAMILIAR  Em Campina ainda tem os Cunha Lima, em Sousa os Gadelha, em Patos os Mota/Wanderley, em Cajazeiras durante décadas os Rolim, em Catolé do Rocha os Maias, em Santa Helena os Soares, em Uiraúna os Fernandes. Esta política de indicar os sucessores no âmbito familiar é de longa tradição. Quando acabar? É uma decisão do povo.

APURADO PÍFIO  A renda do jogo entre o Sousa e Perilima, na cidade de Campina Grande, pelo Campeonato Paraibano, foi de R$340,00, não deu para pagar sequer a água mineral distribuída entre os jogadores e que não corresponde nem a 50% do valor do ingresso em cadeira especial no Estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. Um trem deste vai pra frente?

SILÊNCIO  O vereador Jucinério Félix anda num silêncio sepulcral no que se relaciona a sucessão municipal em Cajazeiras. Ninguém nem se lembra mais em que lado ele está desde a sua última declaração. Há um ditado popular que diz: “o silêncio vale ouro”.

CONVOCADOS  Os vereadores Marcos Barros e Alysson do Violão já alisaram os pneus de dois carros de tanto viajarem para João Pessoa. Comenta-se que esta semana mais uma vez foram convocados para uma conversa com o governador João Azevedo. Na pauta a união das oposições em Cajazeiras, pra enfrentar Zé da Ambulância. Será que João faz milagres também?

SÓ ESPERANDO A VEZ  Tem vereador em Cajazeiras só esperando a vez de ser chamado por Zé Aldemir para uma conversa de pé de ouvido. Dizem que não aguentam mais de viver só de promessa e têm a esperança que do lado da prefeitura as coisas mudem de rumo.

FONTE: GAZETA DO ALTO PIRANHAS
ELIANE BANDEIRA

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.