[2003] População descontente com atuação da Câmara Municipal


camara2001_432x314

Enquete realizada pelo programa Rádio Vivo, da rádio Alto Piranhas, no último dia 12, quarta-feira, demonstra que a população cajazeirense não está nem um pouco satisfeita com a atuação da Câmara Municipal.

As reclamações com o desempenho dos vereadores relacionam-se, quase sempre, com a falta de participação dos mesmos na busca de soluções dos problemas que mais atingem a comunidade, como ruas esburacadas, falta de iluminação pública, entre outros.

Realizada com pessoas dos mais diferentes níveis sociais, a enquete, por outro lado, demonstrou claramente que a esmagadora maioria dos pesquisados lembra ainda em quem votou para vereador nas eleições últimas, as do ano 2.000.

Das pessoas ouvidas pelo programa em diversas ruas centrais de Cajazeiras, 89,29% disseram lembram em quem votou para vereador, citando inclusive seus nomes. Apenas 10,71% disse não lembrar mais em quem votou.

Seja como for, lembrando ou não em quem votou para vereador nas eleições passadas, a população cajazeirense parece profundamente decepcionada com seus representantes no legislativo municipal.

Nada mais, nada menos que 64,29% dos ouvidos disseram que o desempenho da Câmara Municipal, em termos de atuação parlamentar, é ruim. Somente 10,71% consideraram-no bom, e 17,86% acham que apenas alguns vereadores atuam bem.

Enquanto isso, 3,57% acham a atuação do legislativo cajazeirense regular, e 3,57% não se posicionaram.

Pouca participação – Em que pese ser fundamental a opinião popular para correção de rumos em atividades públicas, necessário é se esclarecer, também, a baixíssima participação do povo nas sessões legislativas.

Mesmo com sessões semanais apenas as segundas e terças-feiras, sempre a partir das 17 horas, é mínima a presença de público no plenário do Poder Legislativo Municipal, em que pese o esforço do atual presidente, Marcos Barros, para reverter essa situação. Até sessões específicas foram criadas para melhorar o quorum popular nas discussões dos problemas municipais. Essas sessões específicas, como o nome já diz, são realizadas para discutir questões pontuais, o que, de fato, tem melhorado a presença de público, visto que pelo menos os atingidos ou interessados naquele assunto específico, comparecem. No mais, nas sessões consideradas ‘normais’, não passa de meia dúzia o número de populares nas galerias.

Dessa forma, como é que se pode avaliar o desempenho dos vereadores e do Poder Legislativo como um todo?

A opinião popular sempre é válida e valiosa, tanto mais quando embasada e segura.

GAZETA DO ALTO PIRANHAS - ED. 222 (14 A 20/03/2003)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *