[2002] Prefeito reúne auxiliares domingo e deve anunciar cortes

Das páginas do Gazeta do Alto Piranhas para a posteridade

FOTO: CAVALCANTE JÚNIOR

O prefeito Carlos Antônio (PDT) reúne neste domingo pela manhã a sua equipe de 1º escalão para anunciar medidas de contenção de gastos.

As medidas se fazem necessário, segundo ele, em virtude da determinação de seqüestro dos recursos das contas da Prefeitura Municipal por parte do Tribunal de Justiça do Estado.

Mesmo discordando da determinação, uma vez que ela alcançou recursos federais conveniados com a edilidade, o que causará prejuízos e paralisações de programas como Peti, Merenda Escolar e outros, o prefeito cajazeirense disse que não havia o que fazer, já que o dinheiro seqüestrado, 652 mil reais, já estava sendo pago a mais ou menos 300 servidores municipais, referente a uma diferença salarial entre os anos 88 e 94.

A determinação do Pres. do TJ/PB foi de seqüestro de 1 milhão, 143 mil, 915 reais e 35 centavos, ou seja, faltam ainda ser seqüestrados 491 mil, 915 reais e 35 centavos, o que será feito à medida em que entrem novos recursos nas contas da edilidade, que ao todo totalizam 48 somente no Banco do Brasil.

Sem dinheiro para nada, os salários de junho dos servidores já estão atrasados e, segundo o prefeito, não há perspectiva a curto prazo de atualizá-los.

GAZETA DO ALTO PIRANHAS – ANO 4 – Nº 185 (5 A 11 DE JULHO DE 2002)

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *