[2002] Obras de urbanização do Açude Grande ainda não começaram

Das páginas do Gazeta do Alto Piranhas para a posteridade

Apesar do anúncio feito pela Secretaria Municipal de Planejamento, de que os recursos para a primeira etapa do projeto de urbanização do Açude Grande de Cajazeiras estavam assegurados, até o momento as citadas obras não foram iniciadas.

O Gazeta tentou ouvir o secretário de Planejamento, Edmundo Lacerda, mas não conseguiu localizá-lo. Na Secretaria de Planejamento, quem se dispôs a falar sobre o assunto foi o desenhista Nonato Saraiva. Ele disse que os recursos federais, na ordem de R$ 230 mil, já estão liberados, mas há, ainda, algumas etapas burocráticas a serem vencidas.

Nonato Saraiva garantiu que a Prefeitura Municipal de Cajazeiras, através da Secretaria de Planejamento, já preparou toda a documentação necessária para atender as exigências dos órgãos financiadores. Ultimamente, segundo informou, foram feitos os projetos elétrico e hidrossanitário, pelos engenheiros, respectivamente, Stanley Lira e Adailton Mangueira.

Nonato Saraiva revelou que o projeto inicial de urbanização do Açude Grande está orçado em R$ 720 mil e que a verba conseguida de R$ 230 mil será gasta na primeira etapa da obra, que consistirá na construção de um calçadão em frente ao antigo Clube 1º de Maio, e uma quadra poliesportiva, que ficará localizada no antigo Casarão, com alambrados removíveis para a prática de eventos, além de um aterro de 25 metros.

O desenhista informou que o arquiteto responsável pelo projeto de urbanização do Açude Grande, Eliézer Filho, estará em Cajazeiras, no início do próximo mês, para participar da programação da Semana do Meio Ambiente, oportunidade em que fará o lançamento solene do referido projeto, idealizado há quase dez anos.

GAZETA DO ALTO PIRANHAS – ANO 4 – Nº 180 – 31/05/A/06/06/2002

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *